Para aceder ao website da McDonald’s® Portugal utilize, por favor, um dos seguintes browsers: Microsoft Edge, Chrome, Firefox ou Safari.

Este site utiliza cookies. Ao navegar, estará a consentir com a sua utilização.

Saiba mais sobre a Política de Cookies aqui

Aceitar

Happy Meal Readers

Os gémeos seguem um pinguim

Prepara-te para embarcar nesta aventura glaciar, onde há pouco a temer e muito a tremer. Agasalhem-se bem!

Já tinhas ouvido falar em pinguins-de-barbicha ou de tobogã?

Desta vez não vamos andar no tempo, mas vamos perder a noção dele enquanto nos divertimos de tobogã a estudar os pinguins-de-barbicha, na Antártida.

Pinguins-de-barbicha

Nome comum Pinguins-de-barbicha
Nome científico: Pygoscelis antarcticus
Tipo Ave
Expetativa de vida 15-20 anos
Altura Até 70cm
Peso 3-6 kg
Habitat Antártida
Estado ameaçada

Conhece melhor esta espécie de Pinguins:
O Pinguim-de-barbicha é uma das várias espécies de pinguins, que podem ser avistadas nas ilhas da Antártida. É das espécies de pinguins mais fáceis de identificar, dada a sua típica linha preta apelidada de barbicha.
Devido à pouca presença de outros animais no seu habitat natural, é no mar que eles encontram as suas presas e, também, os seus predadores.
Como carnívoros que são, alimentam-se habitualmente de pequenos peixes e crustáceos.
Possuem pequenas garras que os ajudam a voltar a terra, exercício que fazem com alguma regularidade ao procurarem alimento para as crias ou para os próprios, ou ainda para escaparem de algum predador.

Estado da espécie:
Com o mundo em geral e as zonas geladas em particular, a serem castigadas pelas mudanças climáticas resultado do aquecimento global. Os pinguins-de-barbicha têm vindo a ser fortemente ameaçados.
Nos últimos 50 anos, a temperatura média subiu 3°C na região, o que teve como consequência a redução da espécie em 60%. Não se avizinhado um cenário risonho para o futuro.

Curiosidades:
  • Os Pinguins-de-barbicha conseguem nadar até 3 vezes mais depressa que um nadador olímpico.
  • Normalmente põe dois ovos durante a época de reprodução.
  • Ganharam o nome de Pinguins-de-barbicha graças à linha de penas pretas que possuem debaixo do queixo, tal qual uma barbicha.